Pároco

 -  Atualizado 24/05/2018

Palavra do Pároco  | Maio de 2018

MARIA, NOSSA MÃE!

Filhos e Filhas de São José, este mês de maio celebramos com alegria nossas mães que conceberam, geraram e nos formaram para a vida, do estar no mundo, do ser com os outros irmãos. Maria nossa mãe espiritual que concebeu, gerou e nos formou em nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna. Neste sentido a comunidade eclesial dos primeiros discípulos nasce assistida pela presença marcante da Mãe de Deus, ela é o laço que une o Corpo Místico de Cristo, a Igreja.

Em Maria somos os filhos desejados de Deus que nos criou por amor à sua imagem e semelhança. Assim todas as Mães são em Maria a ternura, acolhida, escuta e paciência, desde antes da concepção, filhos e filhas gerados no amor, agraciados por Deus que escolheu a mulher-mãe para ser co-criadora junto ao Criador. Maria, mãe disponível, generosa, acolheu o verbo em seu ventre e deu ao mundo atitudes de misericórdia e compaixão, nos deu o alimento substancial, a eucaristia.

Maria é Mãe da Eucaristia é mulher eucarística, como nos exorta o Papa São João Paulo II em sua encíclica Ecclesia de Eucharistia, sobre a extrema e profunda ligação de Nossa Senhora com a Eucaristia. Como Maria foi o primeiro sacrário do mundo, ela em tudo tem a ver com Jesus Eucarístico. Ainda, na mesma encíclica, o Papa escreve que se quisermos redescobrir em toda a sua riqueza a relação íntima entre a Igreja e a Eucaristia, não podemos esquecer Maria, Mãe e modelo da Igreja, modelo de maternidade.  

Pe. Amarildo Jorge Dellagranna s.d.P.